Menu Principal
Portal do Governo Brasileiro
Logotipo do IPEN - Retornar à página principal

Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

Ciência e Tecnologia a serviço da vida

 
Portal > Institucional > Notícias > Clipping de Notícias

CNEN realiza operação em São Paulo, onde foi encontrada embalagem de 99Mo/99Tc, e não detecta risco de contaminação

Fonte: CNEN

Publicado em 05/07/2024 -  13h23
Atualizado em 06/07/2024 - 13h55

CNEN realizou operação para monitoramento de radiação no Jardim Iguatemi, Zona Leste de São Paulo, na manhã deste sábado, 6, onde foi encontrada uma embalagem com geradores de 99Mo/99Tc, e não detectou risco de contaminação. Do ponto de vista radiológico, a área está liberada, após 13 horas de interdição. O trabalho foi realizado com apoio da equipe de Produtos Perigosos do Corpo de Bombeiros, que ajudou na remoção de material pesado, o que possibilitou uma varredura mais precisa.

De acordo com a equipe técnica da CNEN, o nível de radiação detectado no local foi considerado seguro, proveniente da radiação ambiente, que é a radiação natural, e não oferece risco algum para a população do entorno, liberado por volta das 9h30. A embalagem continha blindagem de gerador de 99Mo/99mTc exaurido (já utilizado), que, no entanto, não foi encontrada.

Também não foram ainda localizadas outras três embalagens com o mesmo material (também já exauridos) e uma quarta contendo uma dose de 27,9 mCi de atividade do gerador de 68Ge/68Ga, que seria utilizada para um único exame de cintilografia, ou seja, é uma dose muito baixa e um volume muito pequeno.

O balde vazio de gerador de 99Mo/99Tec e a tampa foram apreendidos e levados para o IPEN/CNEN. A área, que esteve isoladas das 20h de sexta-feira, 5, até às 9h40 deste sábado, 6, já foi liberada. As investigações do caso permanecem pelo 49º DP, que realiza diligências visando à identificação da autoria e recuperação total da carga. Caso seja encontrado o restante do material ou parte dele, a CNEN deverá ser acionada, para nova operação de monitoramento.

Nota de Esclarecimento

No dia 5 (sexta-feira), a Diretoria de Radioproteção e Segurança Nuclear (DRS/CNEN), publicou a nota de esclarecimento:

Esclarecimento à sociedade

A empresa de Transporte MEDICAL ALD por meio de e-mail à Diretoria de Radioproteção e Segurança (DRS) da CNEN, às 21h57 do dia 30/06/2024, comunicou o furto do veículo de transporte de material radioativo de marca/modelo VW saveiro, placa RFI873 que continha um gerador de 68Ge/68Ga e 4 unidades de blindagens de geradores de 99Mo/99mTc exauridos. A referida empresa, que possui Supervisor de Proteção Radiológica em Transporte e Plano de Proteção Radiológica para Transporte aprovado pela CNEN, estava a serviço da R2PHARMA - Radiofarmácia Centralizada LTDA, que por sua vez, também enviou comunicação à DRS dia 01/07 comunicando o ocorrido.

Segundo relatos, o veículo transportava a fonte geradora de radiofármacos rumo às cidades de Curitiba/PR e Blumenau/SC para uso médico. Essa fonte de Germânio/Gálio (68Ge/68Ga) foi fabricada pela empresa Eckert & Ziegler e possui uma atividade corrigida de 29,73mCi, segundo sua última calibração realizada em 11/12/2023.

Segundo o Código de Conduta em Segurança de Fontes Radioativas da Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA) essa fonte, por sua baixa atividade, se enquadra na categoria 4, representando risco radiológico muito baixo para a população e o meio ambiente.

Um boletim de ocorrência foi aberto pelo representante da empresa na MEDICAL ALD junto à 49º D.P. SÃO MATEUS, no dia 01/07/2014 às 12h22, relatando o ocorrido. Consta que, por imprudência do motorista, que decidiu levar o automóvel para local diverso do pátio seguro onde o veículo deveria ficar abrigado durante à noite, o veículo foi furtado.

Desde então, o corpo técnico da CNEN está agindo no sentido de levantar informações sobre a fonte roubada e já apurou que o cadastro da empresa transportadora está regular junto ao órgão regulador, estando autorizada a realizar operações de transporte de materiais radioativos.

Ao mesmo tempo, preparou-se uma divulgação para imprensa informando a população sobre o furto e que, apesar da baixa atividade da fonte e de não se esperar efeitos determinísticos imediatos, a manipulação inadequada e de forma constante, ainda pode vir a causar danos à saúde do manipulante.

Solicitou-se que caso a fonte seja encontrada/localizada, imediatamente seja informada a CNEN pelos telefones (21) 98368-0734 ou (21) 98368-0763, e também, a Polícia. Apesar da pouca relevância em termos de risco radiológico à população, a CNEN, de forma protocolar e atendendo aos acordos internacionais firmados, fez um informe ao Programa ITDB (Incident and Trafficking Data Bank) da IAEA e também ao Grupo de Trabalho de Combate ao Tráfico Ilícito de material nuclear radioativo do MERCOSUL.

Alessandro Facure,
Diretor de Radioproteção e Segurança Nuclear(DRS/CNEN)

Ciência e Tecnologia



Eventos