Menu Principal
Portal do Governo Brasileiro
Logotipo do IPEN - Retornar à página principal

Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

Ciência e Tecnologia a serviço da vida

Portal > Institucional > Notícias > Clipping de Notícias

Gestão do Conhecimento da Amazul recebe prêmio nacional

Fonte: Amazul

O projeto-piloto de Gestão de Conhecimento da Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A. (Amazul), que foi implantado em uma unidade da cadeia de produção de combustível nuclear da Marinha do Brasil, recebeu o 17º Prêmio Learning & Performance Brasil 2018/2019, na categoria Referência Nacional. O prêmio reconhece as melhores práticas em aprendizado e performance. A Amazul concorreu com iniciativas de organizações como Claro-Brasil, Serasa Experian, Bayer e Bradesco.

Constituída há apenas cinco anos, a Amazul desenvolve e aplica tecnologias e gerencia projetos e processos necessários ao Programa Nuclear da Marinha, Programa de Desenvolvimento de Submarinos e Programa Nuclear Brasileiro. A gestão de conhecimento é estratégica no sentido de reter, proteger e compartilhar o conhecimento crítico desenvolvido no longo prazo pela Marinha do Brasil na área de tecnologia nuclear e de construção de submarinos.

"O prêmio é mais uma evidência do grau de maturidade que a Amazul atingiu em apenas cinco anos de existência. A gestão do conhecimento é vital para o setor nuclear e para a conquista da independência tecnológica do País", afirma Ney Zanella dos Santos, diretor-presidente da empresa. "Além disso, o modelo desenvolvido amplia a frente de negócios da Amazul, pois pode ser replicado em outros empreendimentos nucleares para gerenciar o conhecimento relevante e assegurar seu diferencial tecnológico e competitivo", ressalta.

O projeto-piloto foi implantado, em 2017, na Unidade de Produção de Hexafluoreto de Urânio (Usexa), no Centro Industrial Nuclear de Aramar, em Iperó, unidade onde se converte o minério beneficiado de urânio em hexafluoreto de urânio gasoso. No momento, a empresa implanta o modelo na Assessoria de Meio Ambiente, no Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTMSP), área responsável pelos temas relacionados ao meio ambiente e à sustentabilidade, que assessora a organização no atendimento de exigências legais e de manutenção de licenças e autorizações ambientais.

Nos próximos dias, o projeto começa a ser aplicado na Coordenadoria do Programa do Ciclo do Combustível Nuclear, que coordena o desenvolvimento de técnicas, materiais, equipamentos, processos, instalações e projetos especiais da Diretoria de Desenvolvimento Nuclear da Marinha.

A metodologia desenvolvida pela Amazul tem como referências os modelos de gestão do conhecimento para a administração pública brasileira do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) e do Empreendimento Modular de Gestão do Conhecimento da Marinha do Brasil.

Eventos