Menu Principal
Portal do Governo Brasileiro
Logotipo do IPEN - Retornar à página principal

Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

Ciência e Tecnologia a serviço da vida

Portal > Institucional > Notícias > Em Foco

Ministro da Saúde visita estande do IPEN e ratifica apoio ao Reator Multipropósito Brasileiro

Ricardo Barros ficou pouco tempo, mas o suficiente para confirmar apoio do MS ao Projeto RMB e conhecer algumas tecnologias aplicadas à saúde com potencial para serem incorporadas ao SUS

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, visitou nesta quinta-feira, 30, o estande do IPEN-CNEN/SP no evento "Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde – Conectando Pesquisas e Soluções”, que aconteceu no Hotel Transamérica Expo Center, em São Paulo. Na oportunidade, ratificou o apoio financeiro do Ministério da Saúde (MS) ao empreendimento Reator Multipropósito Brasileiro (RMB), que dará ao Brasil autossuficiência para a produção de radiofármacos – atualmente, a principal matéria-prima, o molibidênio-99, é totalmente importada.

"O RMB é essencial para o Brasil, e o Ministério da Saúde tem todo o interesse em apoiar o financiamento desse projeto”, disse. Barros também ficou "impressionado” com as tecnologias apresentadas pelo IPEN. Os curativos avançados de hidrogel com nanopartículas de prata, para feridas com infecções locais, e a bioprótese confeccionada a partir do pericárdio bovino utilizando óxido de grafeno incorporado, para cardiopatas que utilizam prótese em substituição à válvula cardíaca, chamaram a atenção do ministro.

"Nós adotamos, como estratégia de ‘marketing’, falar sobre os produtos expostos no estande e em seguida apresentar vídeos com a explicação dos pesquisadores coordenadores dos projetos que geraram as tecnologias. Acredito que deu certo, porque os visitantes, inclusive o ministro, olhavam o resultado concreto e depois assistiam a um breve comentário sobre como se chegou àquele produto. Nossa participação, eu diria, foi muito proveitosa. Temos que fazer mais isso no Instituto”, afirmou Anderson Andrade, um dos expositores do IPEN.

O IPEN tem um portfólio de tecnologias bastante diversificado por área do conhecimento. Nessa exposição, foram mostradas apenas as relacionadas à saúde, foco do evento. Todas com grande potencial para incorporação ao Sistema Único de Saúde (SUS). Um pôster apresentando o novo mestrado profissional do Instituto, denominado "Tecnologia das Radiações em Ciências da Saúde”. A proposta já foi submetida à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e aguarda aprovação. Serão duas áreas de concentração: Processos de Radiação na Saúde e Radiofarmácia e Medicina Nuclear.

O evento foi organizado pelo Departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do MS (Decit/SCTIE/MS), com o objetivo de debater os maiores avanços científicos de temas emergentes da agenda de saúde, visando a troca de conhecimento e o estímulo à inovação no país. "Nós desenvolvemos muitos produtos e processos inovadores, mas que ainda não são conhecidos do setor produtivo. Para isso estamos aqui”, afirmou Anderson Zanardi de Freitas, gerente do Núcleo de Inovação do IPEN.

Além de Anderson Andrade,  Maria José Alves de Oliveira, do Centro de Química e Meio Ambiente (CQMA/IPEN), Letícia Henn Fereira – NIT/IPEN, e Mara De Mello Leite Munhoz, do Centro de Tecnologia das Radiações (CTR/IPEN) participaram como expositores no estande do Instituto. O evento aconteceu nos dias 29 e 30 de novembro.

----
Ana Paula Freire, Jornalista MTb 172/AM
colaboração Anderson Andrade
Assessoria de Comunicação Institucional